27
março

Dicas de escritórios de arquitetura para salas de jantar

dicas-de-arquitetos-para-salas-de-jantar

O ato de receber e reunir os amigos e familiares para compartilhar refeições e conversas é um dos maiores prazeres, em uma casa ou apartamento e a sala de jantar é o ambiente perfeito para esses momentos. Os arquitetos Renato Andrade e Erika Mello, do escritório Andrade & Mello Arquitetura, junto com a designer de interiores Daiane Antinolfi do Daiane Antinolfi Arquitetura e Interiores, destacam dicas e soluções para uma sala de jantar moderna.

dicas-de-escritorios-de-arquitetura-para-salas-de-jantar
Projeto Andrade & Mello. Foto: Luís Gomes

Gostamos muito de projetar estes espaços para cumprir sua função principal e ainda aliar com um décor que completa e contempla o momento“, explica o arquiteto Renato Andrade, sócio de Erika Mello

Circulação
Os profissionais são unânimes em ressaltar que o primeiro a se pensar é conceber o ambiente com uma circulação confortável, já que sua falta pode causar incômodo para as pessoas que estão no espaço.

dicas-de-arquitetos-para-sala-de-jantar
Projeto Daiane Antinolfi. Foto Henrique Ribeiro
dicas-de-arquitetos-para-salas-de-jantar
Projeto Daiane Antinolfi. Foto Henrique Ribeiro

Entre as cadeiras e a passagem deve haver, no mínimo, 90 cm. Com essa orientação é possível escolher o modelo da mesa que se harmoniza com a necessidade da casa e do ambiente” explica Daiane Antinolfi.

Mesas
A grande estrela da sala de jantar, com certeza, é a mesa e, por isso, é fundamental escolher o modelo certo. Entre os inúmeros formatos, a arquiteta Erika Mello explica que o redondo é o mais apropriado para as famílias que gostam de receber e seguem o pensamento que o espaço é como ‘coração de mãe, sempre cabe mais um’. Além de ser ótima para a circulação, o modelo facilita para a comunicação“, reforça a profissional.

dicas-de-arquietos-para-sala-de-jantar-
Projeto Daiane Antinolfi

Quanto ao tamanho, existem algumas medidas mínimas que devem ser respeitadas. E Erika revela também que o mercado disponibiliza tamanhos padronizados para as mesas redondas de acordo com a quantidade de pessoas, como a peça de 1 m de diâmetro para quatro pessoas; 1,20 m para seis posições e 1,50 m para oito pessoas.

As mesas retangulares ou quadradas podem contar com dos lados encostados na parede ou balcão, liberando espaço de circulação para espaços pequenos“, explica Renato. 
Com relação à altura da mesa, é indicado 75 cm.

Cadeiras
A mesa e as cadeiras não precisam seguir um padrão de cor ou material, isso vai depender sempre do gosto e personalidade do morador. É possível misturar estilos, contanto que a composição revele harmonia entre os tons e materiais.

Nos meus projetos sempre faço o balanço daquilo que desejo enfatizar. Se as cadeiras são escuras, busco por uma mesa com um material mais leve e claro“, comenta Daiane Antinolfi.

É importante aliar o design com peças leves, confortáveis e práticas para a limpeza.
A designer de interiores também indica que, se o ambiente for pequeno, é necessário ter cuidado com a altura do encosto da cadeira. Em situações como essas, é recomendado que não ultrapassem 10 cm da altura da mesa.

Esse truque faz com que o espaço pareça mais amplo, já que conseguimos enxergar melhor o tampo da mesa“, completa. 

dicas-de-arquitetos-para-salas-de-jantar
Projeto Daiane Antinolfi. Foto Henrique Ribeiro
dicas-de-arquitetos-para-sala-de-jantar
Projeto Daiane Antiolfi. Foto Henrique Ribeiro

Móveis
Para buffet ou aparador no ambiente, tudo dependerá do tamanho do espaço. Além do apoio para servir e receber os pratos, os móveis são funcionais, pois organizam e guardam as louças e talheres próximo da mesa

 Iluminação
O projeto luminotécnico deve ser responsável por proporcionar harmonia e conforto para o jantar, pois o espaço remete à contemplação de momentos.

Eu considero que a iluminação é a cereja do bolo na decoração de qualquer ambiente”, conta Erika Mello.

Ao posicionar a mesa como foco principal, pendentes ou lustres são os itens recomendados.
Especificamos sempre uma iluminação indireta e com a temperatura de cor ideal de aproximadamente 3000 K, que proporciona um clima mais amarelado e aconchegante“, finaliza Renato Andrade.

Espero que tenhas curtido as dicas!
Malu

Andrade & Mello Arquitetura e Interiores
www.andrademelloarquitetura.com.br

Daiane Antinolfi Arquitetura e Interiores
www.daianeantinolfi.com.br

Divulgação: dc33 Comunicação

Newsletter

Assine para receber novidades do blog!

banner_875x90

Posts relacionados

Deixe seu comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.