26
julho

Receber os netos em casa

receber-os-netos-em-casa

Receber os netos em casa é tudo que os avós querem e, se tiver espaço para um quarto especial para eles, melhor ainda!
Hoje, dia 26 de julho é celebrado o Dia dos Avós – data escolhida para comemorar o dia de Sant’Ana e São Joaquim, avós de Jesus e pais de Maria.
Quem nunca ouviu “os avós são pais com açúcar”? A casa dos avós é um lugar em que os netos se sentem acolhidos e amados. E por esse motivo, quase sempre, os avós preparam um cantinho para receber os pequenos em fins de semana ou nas férias. Um bom projeto de arquitetura e decoração pode facilitar esses momentos.
Olhem só esse projetos especiais assinados pela designer de interiores  Daiane Antinolfi, a arquiteta Karina Korn e as profissionais da Korman Arquitetos, que podem inspirar os avós!

dia-dos-avos
Projeto Karina Korn

Na foto acima, a arquiteta Karina Korn, do escritório Karina Korn Arquitetura, criou uma escada – que também serve de cômoda – levando os pequenos a um elegante mezanino com futons onde as crianças dividem o quarto e podem brincar de montão. O recorte curvo e o guarda-corpo de acrílico deixam o móvel sofisticado, de maneira que, mesmo quando os netos crescerem, eles continuarão adorando a estrutura e suas possibilidades.

quarto-oara-receber-os-netos
Projeto Daiane Antinolfi – Foto Henrique Ribeiro

O casal escolheu o imóvel para estar mais perto de filhos e netos e o projeto foi assinado pela designer de interiores Daiane Antinolfi, do escritório Daiane Antinolfi Arquitetura e Interiores. O quarto para receber os netos teve a bicama encostada na parede já que as almofadas cumprem a função de encosto para os meninos jogarem videogame e assistirem seus filmes e séries. A colcha jeans e o tapete geométrico foram algumas das sugestões   de Daiane para criar uma atmosfera jovem.
Se quiser ver mais desse projeto, clique aqui no link:
Apartamento com ares de casa – 2

quarto-para-receber-os-netos
Projeto Korman Arquitetos – Foto Gui Morelli

Para receber os cinco filhos e 12 netos, o casal de clientes pediu ao escritório Korman Arquitetos um imóvel confortável e prático. Todos os quartos seguem o mesmo padrão, a marcenaria sempre prevalece: com cabeceira de laca branca em toda extensão da parede, as camas de solteiro podem ser unidas para tornar-se de casal. A diferença entre os quartos foi definida pela cor do papel de parede e o tecido das almofadas.

Projetos:
Daiane Antinolfi Arquitetura e Interiores
Karina Korn Arquitetura
Korman Arquitetos

Divulgação:
dc33 Comunicação

Quem escreve:

Newsletter

Assine para receber novidades do blog!

banner_875x90

Posts relacionados

Deixe seu comentário

Você é humano?

*