26
novembro

Como ter Trepadeiras em Casa, com dicas da Paisagista Catê Poli

trepadeiras-em-casa
Projeto Catê Poli Foto: Evelyn Muller

Quem não sonha com trepadeiras em casa? Mas como manter, como plantar, quais as principais espécies e seus cuidados? A paisagista Catê Poli nos dá dicas de como ter essas plantas lindas e exuberantes em casa, que oferecem um charme especial aos projetos de paisagismo e nunca saem de moda.

A planta recebe este nome por sua característica principal: para crescer em direção à luz solar, ela se sustenta em superfícies, cobrindo a área utilizada de apoio, graças a seus caules finos e flexíveis que se adaptam a área da plantação. Por isso, possuem um alto valor estético e também podem se tornar um elemento de decoração muito atrativo para o seu jardim.

De acordo com a arquiteta paisagista Catê Poli, entre as principais vantagens das trepadeiras estão a sua capacidade de fazer sombra, além de oferecer mais conforto ao ambiente.

“Como elas se apoiam em superfícies como muros, acabam formando uma linda cortina verde, que ainda contribui para a criação de sombras, um fator importante para vivenciar o jardim”, conta a profissional.

Na hora de escolher a superfície de sustentação da trepadeira, Catê sugere evitar muros lisos, já que nenhuma espécie da planta vai se fixar ali.

“A grande maioria das trepadeiras precisa ser conduzida, com fio de nylon ou cabo de aço, para que ela vá se enrolando e subindo pela estrutura”, explica.

Além de iluminação adequada e solo fértil, para que cresçam fortes, saudáveis e seguras, a paisagista alerta que as trepadeiras precisam ser muito bem estudadas, já que cada espécie possui suas particularidades.

“É preciso entender as espécies para fazer o cuidado ideal. Cada uma possui um determinado tempo de rega e poda e o descuido com essas atividades pode fazer com que a trepadeira se torne uma inimiga. Por isso, é importante ter paciência e respeitar suas características”, explica Catê, que ainda alerta que algumas espécies podem arrancar a pintura e até mesmo abalar as estruturas do muro.

Em relação a insetos e pragas, também é preciso ficar atento e optar sempre por inseticidas naturais que não danificam a plantação.

“São opções com o custo acessível e que não agridem o ambiente e as plantas”, explica.

Abaixo, selecionamos as características e cuidados das quatro espécies de trepadeiras mais comuns do momento e que podem valorizar o seu projeto de paisagismo.
Confira:

Sapatinho de Judia
É uma trepadeira muito ornamental, de crescimento rápido. Bastante tropical, gosta de calor e umidade e pode ser utilizada em pergolados altos, pois cresce em forma de cortina, com cachos floridos que ficam pendurados. Belas e vibrantes, as flores passeiam por tons de amarelo e vermelho e são amadas pelos beija-flores.

Congeia
De crescimento médio, mas fácil de manter, a Congeia chama atenção por sua enorme quantidade de flores, em um elegante tom de rosa chá. Também muito utilizada como arbusto, é perfeita para um jardim com ares de casa de campo. Tolera bem as podas de contenção e cresce bem em climas quentes, como o do Brasil.

Bougainville
A tão conhecida Primavera é uma trepadeira lenhosa, com florescimento abundante. Encontrada com flores em diversos tons – apesar de a nativa ser apenas a lilás – ela necessita de muito sol e espaço de raiz para crescer. Não gosta muito de adubo e pede pouca rega para que fique forte e vistosa.

Jasmim Estrela
Vários jasmins podem ser utilizados como trepadeira, mas a espécie Jasmim Estrela é a mais comum. Com um delicioso aroma e flores brancas, pequenas e com formatos estrelados – daí seu nome – a espécie é muito resistente. Perfeita para ser utilizada em pergolados, muros e portões de jardins mais campestres, gosta de ambientes ensolarados.

Sobre Catê Poli
Arquiteta e urbanista de formação e paisagista desde seu primeiro estágio em 1990, o escritório Catê Poli Paisagismo elabora projetos de paisagismo e arquitetura de exteriores – desde uma pequena varanda de apartamento até grandes fazendas e haras.
Catê é atualmente colunista do site da revista Casa e Jardim e do portal Paisagismo em Foco.
www.catepoli.com.br
(11) 3774 5944

Divulgação:
dc33 Comunicação
www.dc33.com.br
(11) 3129 4382

Newsletter

Assine para receber novidades do blog!

banner_875x90

Posts relacionados

Deixe seu comentário

Você é humano?

*